Mais um desabafo

Olá, meu nome é Ester, tenho 17 anos e estou no terceiro ano do Ensino Médio.
Possivelmente, já devem ter visto alguns tópicos feitos por mim, por aqui, em 2018, acredito.

Inicialmente, quando eu estava no oitavo e no nono ano, eu desejava ingressar no ITA. Em 2018, no primeiro ano, ao pensar mais sobre, o vestibular, a carreira, minha vida, aos poucos, eu fui percebendo que não era isso que eu queria para mim. Assim, a ideia de tentar Medicina foi se moldando em minha cabeça.

No ano seguinte, 2019, mudei-me de cidade, fui morar sem meus pais, com o meu irmão, a 67km daqui. Lá fiz o segundo e, agora, estou fazendo o terceiro ano, estava, até ser decretada a quarentena. Também tinha entrado em um curso pré-vestibular. Ficava das 7h até às 12h, na escola, e das 14h às 18h, no curso, só estava à noite em casa.

Não consigo escrever muito bem estas linhas, um misto de vergonha e arrependimento me tomam, estudar é um desafio. Eu começo e paro, não avanço muito, o desânimo e o medo de fracassar me atormentam. Ansiedade não ajuda, alguns indícios de depressão só pioram. Não uso destes como desculpa, apenas são fatores reais que me fazem sentir incapaz e insuficiente para conseguir alcançar meu objetivo.

E o julgamento, sempre presente na minha cabeça, consegue me fazer sentir ainda pior. Eu sei que preciso só começar. E, a cada vez que começo, me sinto menos preparada.

Minha maior dificuldade são as exatas, mesmo assim, não me saí muito bem nas demais, nas duas edições do ENEM que participei. O meu melhor desempenho foi em redação. Todas as notas, muito abaixo do que eu preciso para Medicina, e a ideia de precisar melhor 200 a 300 pontos, me atormenta.

Eu quero ouvir conselhos, alguma dica, uma sugestão, ideia, que me mostre como começar aos poucos e como sentir que estou avançando, porque toda vez, tenho receio de não ter aprendido. Também tenho noção que da forma que estou, emocional e psicologicamente, vai ser muito mais difícil estudar e aprender, por isso vou buscar formas de melhorar.

Realmente quero passar, ser médica, eu tenho um propósito…

1 Curtida

Olá Ester. Também me sinto como você às vezes.
Você disse que tem alguns índices de depressão, que só pioram… Acho que primeiro, você deveria cuidar da sua saúde mental. Quando eu estava ansiosa ou triste com meus estudos (preocupação), o negócio não fluía, além de que pode comprometer a sua saúde pra vida inteira! Tente passar com um psicólogo, já que você percebeu sintomas de depressão. E Não se sinta envergonhada por isso, reconhecer é o primeiro passo para concertar! Veja vídeos no yt sobre como combater baixa estima, faça meditação, respire fundo e quando perceber tristeza ou medo se imagine médica! Comece aos poucos, estudando 1h por dia, depois vá aumentando. No final da tarde, enumere suas conquistas, mesmo que vc tenha feito UM exercício, vc está melhor que ontem, mais próxima de seu sonho, aprendeu algo a mais! Se vc acredita em Deus, ore para que ele te ajude a ver as coisas boas que faz, os seus progressos! Fiz uma oração para conseguir ver que eu estava indo pra frente, valorizar e enxergar progressos, melhorar meu psicológico e Deus concedeu a graça! Vou deixar ela aqui, caso você queira fazer! Eu recomendo XD

ORAÇÃO PARA PEDIDO ESPECIAL
Oh mãe Querida Nossa Senhora Aparecida
Oh meu GLORIOSO SÃO JUDAS TADEU
protetor das causas impossíveis
Santo Expedito, Santo da última hora,
A Santa Edwiges, a Santa dos necessitados
Vós que conheceis meu coração angustiado, intercedei
Junto ao Pai por mim (pedir a graça)
Eu vos glorifico e vos louvo sempre,
Curvar-me-ei diante de Vós…
Pai Nosso, Ave Maria, Glória ao Pai
Confio em DEUS com todas as minhas forças.
E peço que ilumine meu caminho e a minha vida
Amém

REZE POR TRÊS DIAS E FAÇA 25 CÓPIAS, DEIXE NA IGREJA DE SÃO JUDAS TADEU PARA SUA PROPAGAÇÃO, SUA GRAÇA SERÁ ALCANÇADA POR MAIS DIFÍCIL QUE SEJA!! OBSERVE O QUE ACONTECERÁ NO QUARTO DIA

ESPERO TER TE AJUDADO <3 ah e se vc quiser voltar aqui e me dizer como vc está fique à vontade! :wink:

4 Curtidas

Oi, Ester, como você está? Então, como a moça acima disse, cuide da sua saúde mental.Você pode achar que é tempo perdido, mas é tempo investido. Estudar com problemas é como estudar com sono, você acha que tá tudo bem, mas perde 4/5 horas de estudo por estar cansada, enquanto que, se dormisse 15 minutinhos ao menos, teria um rendimento bem melhor. Pra Medicina, principalmente em grandes faculdades, o nível da competição vai exigir que você conheça bem a fundo todas as matérias, mas que domine excepcionalmente a base. Muitas questões, como você já deve saber, vão misturar diversos tópicos de uma matéria e as vezes até várias matérias diferentes, muitas vezes exigindo que você domine bem assuntos básicos e iniciais pra desenvolver seu raciocínio e responder bem a questão. Estudar, portanto, não é sobre quantidade, mas sobre qualidade. De nada adianta ver toda a Química, por exemplo, se você não compreendeu bem os fundamentos da mesma, o comportamento de moléculas, tabela periódica, ácidos/sais/base/óxidos…
Portanto, se estiver com dificuldades nessas matérias, refaça alguns exercícios delas, busque notar as semelhanças e diferenças entre cada assunto, notar o desenvolvimento do raciocínio, por ai vai. Pra esclarecer sobre a questão das semelhanças, usarei botânica. Há duas maneiras de se estudar Briófitas e Pteridófitas: você pode decorar e fazer muitos exercícios ou entender e fazer muitos exercícios. No segundo caso, é mais fácil desenvolver um raciocínio caso você se esqueça de algo na hora da prova, é até possível tomar gosto e confiança nos estudos! Como posso fazê-lo? Então, pra entender basta, nesse caso, observar as características de ambas as plantas, notar (não vou citar especificamente o que, senão o texto fica longo demais) em que pontos o seus processos reprodutivos são semelhantes e no que são diferentes, como isso afeta ambas as plantas. Notar também como as especializações das pteridófitas auxiliaram-na em poder viver em meio terrestre, enquanto as briófitas não as têm e como isso afeta elas. O primeiro modo de estudar (meio que uma decoreba) seria, por exemplo, anotar todas as características: “Briófitas têm isso e aquilo, pteridófitas são assim e assado”. Desse modo é um estudo muito passivo e é de fato um tempo gasto em vão. Se pudesse ter dar uma dica de como estudar menos, aprender mais e se sentir mais feliz e confiante quanto aos estudos seria essa: Não estude pra decorar, mas para entender. Vale mais (pra vida ou pro vestibular) estudar 40 módulos bem estudados do que 120 feitos de qualquer maneira.

1 Curtida

Ah, e lembre-se sempre: a vida não é uma corrida. Cada ano você fica mais experiente e preparada, uma hora você estará afinada no timbre certo pra passar no vestibular e realizar seus sonhos. Dê tempo a você mesma, ok? Não aceite (a menos que não tenha outra opção) em fazer um outro curso ou outra faculdade que você não queira “porque eu não sou capaz de algo melhor/ já estou há tempo demais nisso/ o que os outros vão pensar de mim?”. Mais importante do que as condições perfeitas e a inteligência é a paciência consigo mesma e com os seus planos.
“Confiança na fecundidade da organização e do trabalho, e crença na colaboração do tempo. Nesse sentido pode-se afirmar que o gênio e o talentoso são uma longa paciência”

2 Curtidas

Oi, moça! Li seu texto e iluminou as minhas ideias.
Gostaria de conversar comigo? Preciso de norte em relação aos estudos…

Olá Karine não sei se minhas dicas vão te ajudar, mas vou colocá-las aqui podem ser úteis. primeiro você tem que descobrir quais são as suas dificuldades, geralmente a dificuldade em uma matéria se dá por que causa de outra matéria que estão inteligadas entre si um bom exemplo disso é física muita gente tem dificuldade em matemática e parte para a física e acha que sua dificuldade em física se dá por não entender as fórmulas, mas as fórmulas da física são as mesma da matemática.
As matérias de humanas que são mais próximas entre si são sociologia, história e filosofia se você dominar história e filosofia você já mata a sociologia, português tem muitas regras inúteis e dependendo do vestibular que for fazer só precisa do básico.
E não tenha receio de voltar e ver coisas do fundamental algumas pessoas tem vergonha de estudar coisas do fundamental por se sentirem burras por rever “coisa de criança”, mas a verdade é que a escola é o pior lugar para aprender qualquer coisa.
Depois disso é só você pegar um cronograma exemplo o do hexag e ir fazendo exercícios pega aqueles livros de cursinho pré vestibulares eles tem vários exercícios e vai fazendo, depois de um tempo quando você for rever o assunto vai ver que algo que você tinha dificuldade é conseguiu superar.

Oi, Adam! Obrigada pela suas palavras. Creia que vai me ajudar demais.

Se quiser conversar comigo, ok!