Como estudar para o ITA?

dicas-de-estudo

#1

Estou no 1º ano do ensino médio e já estou me preparando para o ITA, estou meio perdida na organização de horários, acredito não ter tanto aproveitamento assim.
Gostaria de saber como organizar meus horários.
Poderia me ajudar?


#2

Oi Nicolly,
Quanto tempo você tem pra estudar por dia? De que horas a que horas?


#3

18:00 às 22:00 da noite de segunda-feira a sexta-feira, tento intensificar nos finais de semana.


#4

Oi Nicolly,

É preciso definir:

-o quê você vai estudar
-como você vai estudar (quais métodos de estudo, quais técnicas e quanto tempo para cada matéria)
-em que prazo (organizar planilhas de médio prazo)

Então, por exemplo, nessas 4 horas você pode ver 2 matérias, alocando 1h 45 min pra cada.
Dia 1: mat, fis
Dia 2: quim, mat
Dia 3: fis, quim.
E vá revezando esses dias.


#5

Obrigada
Queria assinar o Descomplica, porém não encontrei curso específico para o ITA.
O curso extensivo do Enem ainda é vantajoso para mim?
Kuadro não se encaixa no meu orçamento :frowning:


#6

Nicolly, vou fazer um post específico sobre como começar a estudar para o ITA no 1o ano. Essa pergunta é muito frequente. Enquanto não está disponível, veja esses outros tópicos:


Espero que ajude!!


Como estudar para o ITA no 2 ano?
#7

Muito obrigada de verdade.
Quando ele sair, analiso bem para poder assinar o Descomplica.


#8

@susaneribeiro, estou com bastante dúvida no teste de aptidão física do ITA, gostaria de saber como funciona, se ele é desclassificatório, enfim essas coisas. Desde já agradeço a atenção.
Ansiosa por esse post específico do ITA - 1º ano :wink:
???


#9

Oi Nicolly!
A prova física é composta por vários exames médicos. Logo que os alunos são convocados, ondia de exames é marcado. Normalmente na segunda semana. Os exames são todos no mesmo dia, e vai a turma inteira.

Os primeiros são exames físicos de peso e altura, com un clínico geral. Eles também aferem a pressão.
Depois a gente passa no oftalmologista, dentista. Finalmente no cardiologista. Eles fazem um eletrocardiograma.

Ah, lembro que tinha um ginecologista, mas você podia falar que não quer ir. E não obrigam a ir. Acho que inclusive nenhuma das meninas foi.

Lembro que eu tinha muito medo desses exames. Tinha medo de estudar tanto, pra depois não poder cursar por algum problema de saúde.

Vou contar o que aconteceu na minha turma, e depois nos anos recentes.

Enfim, minha turma inteira foi fazer. A força aérea, ou FAB, como a gente chama, não queria deixar 2 alunos se matricularem. A alegação era de que um era obeso e o outro tinha algum problema no coração.

O reitor da época era muito parceiro, era o Michal, uma lenda. Foi inclusive o que chamou os alunos desligados por ideias políticas diferentes durante a ditadura e deu o diploma, depois de décadas.

Enfim, o reitor ajudou a convencer a FAB de que os alunos deveriam estudar no ITA.

Mais recentemente nem sempre os reitores são parceiros dos alunos. Porque ir contra a força aérea nem sempre é fácil. Então quando não querem deixar algum aluno se matricular, os próprios alunos fazem pressão. No ano passado a turma inteira decidiu fazer greve se os colega não fossem matriculados.

Aí você vê o nível de união na turma. É só mais um exemplo de como vale a pena fazer ITA.

Diria pra você não se preocupar com isso. São raros os casos de pessoas que não passam, e quando isso acontece a turma se posiciona para ajudar.

O importante é estudar e passar.


#10

Obrigada, me tranquilizou bastante, o reitor mudou foi?